Criado: 09 Julho 2020
Acessos: 4

O Sistema Único de Saúde (SUS) disponibilizou, a partir do mês de julho/20, a vacina ACWY  que protege contra quatro sorotipos de meningite bacteriana: A, C, W e Y, indicada para crianças de 11 e 12 anos.

Dessa forma, pais e responsáveis por crianças de 11 e 12 anos devem procurar a Policlínica ou Unidade Básica de Saúde mais próxima de sua casa e garantir sua imunização contra a meningite. A prevenção é o melhor remédio!

Para saber quais os dias as vacinas estarão disponíveis nas unidades básicas de saúde, ligue para o Setor de Vacinas: (31) 3571-3020 ramal 221 e 222.

Segunda: Aranha, São José e Piedade
Terça: Tejuco e Brumado
Quarta: Casa Branca, Palhano, Córrego do Feijão e Marinhos
Quinta: Aranha e Suzana
Sexta: Casa Branca e Brumado

Planalto: apenas na terceira sexta-feira do mês

Criado: 28 Mai 2020
Acessos: 5

O vírus do sarampo circula no Brasil desde fevereiro de 2018. Mesmo em meio a pandemia do coronavírus, muitos estados continuam registrando casos da doença, o que levou o Ministério da Saúde a recomendar que a estratégia de vacinação seja mantida em 2020. Diante da situação, Brumadinho reitera a necessidade de fortalecer as ações contra o sarampo.

Público-alvo - A vacina está disponível desde o dia 23 de março até 30 de junho, de forma indiscriminada para pessoas de 20 a 49 anos de idade. O público desta faixa etária deve receber nova dose da vacina mesmo se tiver com cartão de vacinação em dia. A adesão do público-alvo é imprescindível para garantir a proteção da população e interromper a circulação do vírus no país.

Empresas podem recorrer ao agendamento - Grande parte deste público é economicamente ativa. Sendo assim, comerciantes e empresas, principalmente aquelas que tem demandado mão de obra de outras cidades e estados, devem orientar os funcionários sobre a vacinação. E, se preferirem, podem agendar o procedimento no Setor de Vacinas da Policlínica, pelo telefone (31) 3571-3020 - ramal 221.

Criado: 12 Mai 2020
Acessos: 4

                                                         

O Ministério da Saúde antecipou a data de início da campanha de vacinação com o objetivo de proteger os públicos prioritários contra os vírus mais comuns da gripe, evitando assim que principalmente os idosos manifestem sintomas de gripe, que podem ser confundidos com os sintomas do novo coronavírus. A vacinação antecipada também ajuda a reduzir a procura por serviços de saúde, evitando aglomerações desnecessárias e risco de contaminação nas unidades de saúde.

Cronograma e públicos-alvo: 

  • 1° fase - 23/03 - Idosos (60 e + anos)  e trabalhadores da saúde, das forças de segurança e de salvamento (30/03).
  • 2° fase - 16/04 - portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais*, caminhoneiros, motoristas de transporte coletivo e portuários, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional, povos indígenas. 
  • 3° fase - 1° etapa (11/05 a 17/05) - crianças ( 6 meses a menores de 6 anos), gestantes, puérperas até 45 dias, e pessoa com deficiência.2° etapa (18/05 a 05/06) - Professores de escolas públicas e privadas e adultos de 55 a 59 anos de idade.

* Para que as pessoas com comorbidade e situação clínica especial tenham acesso à vacinação contra a influenza, é necessário apresentar alguma das seguintes comprovações:
. prescrição médica;
. receita de medicamento;
. anotação em prontuário das unidades de saúde;
. cadastro em programas de controle de doenças crônicas;
. comprovante de vacinação para influenza em anos anteriores;
. caderneta de vacinação com registro da vacina de influenza em anos anteriores. 

 O dia “D” de mobilização nacional de vacinação foi cancelado, devido as medidas de isolamento social.

A campanha está prevista para seguir até o dia 05 de junho, vacinando todas as pessoas dos públicos-alvo das três etapas.

RECOMENDAÇÕES IMPORTANTES
- Nenhum paciente poderá ser vacinado com febre, para não causar confusão de sintomas ou possíveis efeitos colaterais da vacina;
- É importante que portadores de doenças crônicas se vacinem contra a gripe na sua unidade de referência;
- Todas as unidades de saúde de Brumadinho estão funcionando, porém é importante se informar na unidade de referência sobre o funcionamento da vacinação para evitar aglomerações;
- Fique em casa, só saia em casos de extrema importância;
- Crie o hábito de lavar as mãos devidamente com água e sabão. Isso é mais importante do que o uso do álcool em gel.

 Se informe por telefone no seu PSF (Programa de Saúde da Família), ou na vacinação da Policlínica Municipal, pelo número 3571-3020 (ramal 221 ou 223), de segunda a sexta, de 8 às 17 horas.